terça-feira, 13 de novembro de 2012

E agora, Carlos?



O Presidente da Câmara de Montemor apresentou o seu pedido de suspensão de mandato, a entrar em vigor a partir de 1 de Dezembro, quando falta praticamente um ano para terminar a “legislatura local”. Levantaram-se vozes de protesto, sobretudo por parte dos que o elegeram, alegando a obrigatoriedade moral de não defraudar o eleitorado, devendo por isso ocupar as suas funções até ao mês de Outubro de 2013. Outros manifestaram-se favoráveis à sua saída antecipada, exprimindo o seu apoio e tentando imaginar o fardo que é conduzir um município durante tantos anos, o que justificaria esta sua decisão.

Na minha análise, que muitos leitores partilham, e que vale o que vale, a CDU continua a manter o vigor, a perspicácia e a visão de sempre. Hortênsia Menino, vice-presidente da autarquia, e igualmente mulher de confiança do partido, assume desde logo o cargo deixado vago por Pinto de Sá, iniciando assim um “estágio” de 11 meses que a deixará mais preparada para, com segurança, ser cabeça de lista pela CDU no próximo mês de Outubro de 2013.

Se os eleitores, desiludidos com o partido e/ou com Pinto de Sá, devido à sua saída antes do previsto, decidirem não apostar na possível candidata, poderá haver algumas dúvidas em relação à eleição de Hortênsia Menino para presidente. Esta questão pode vir a ser aprofundada se os partidos da Oposição quiserem tirar proveito desta situação, apresentando candidatos cujas características convençam o eleitorado de vez (o que até agora ainda não aconteceu) ainda que tenham consciência das vantagens da eventual candidata CDU, o que deve funcionar como um incentivo à criatividade e não como um motivo de falta de coragem política.

Por isso, ainda é cedo para que se vislumbre exactamente quem irá ocupar a presidência no mandato que se segue. Tudo depende dos resultados do “estágio” da provável futura candidata e do esforço (e perspicácia) do PS e do PSD para contrariar a cor vermelha, há 39 anos no poder em Montemor-o-Novo.

E o futuro de Carlos Pinto de Sá? Isso só a ele diz respeito, independentemente do rumo que tomar.

 

2 comentários:

Anónimo disse...

Que se dê inicio a um novo Ciclo das nossas Vidas!!!!!!!!!!!
SR

Ricardo Ai-Ai disse...

Sucintamente quero congratular o Prof. Carlos Pinto de Sá por ter tamanha perspicácia em efectuar uma manobra destas. Dirigir um município não é de si pêra doce, o Prof sabe isso melhor do que ninguém, nada melhor que dar um tempo de adaptação ao novo pseudo-possivel candidato(a) funcionando como que uma passagem de testemunho, para que digamos, seja menos difícil quando fôr a sério para o novo líder. Boa jogada professor, mas foi topado! E, se os boatos se confirmarem, isto dár-lhe-á algum tempo de preparação para uma possível candidatura ao município de évora! Bem jogado professor!

Distraídos crónicos...

Contador de visitas

Contador de visitas
Hospedagem gratis Hospedagem gratis

Arquivo do blogue

Acerca de mim

A minha foto
Montemor-o-Novo, Alto Alentejo, Portugal