segunda-feira, 18 de outubro de 2010

A Vingança de Severiano Valverde


"(...)" No dia do lançamento da sua obra mais recente no auditório da Biblioteca de Vila Nova, a abarrotar de gente ― pois Severiano tinha muitos amigos e já tinha soado entre eles que este livro era um bocado estranho ―, mal sabia ele o que o destino lhe tinha preparado. Iniciada a cerimónia, elogiado o autor, a editora e o livro e feitos os agradecimentos, seguindo religiosamente os trâmites do protocolo, Severiano disponibilizou-se para a sessão de autógrafos.
― Não! ― ouviu-se uma voz.
― Não? ― perguntou o escritor.
― Nós não vamos querer o seu autógrafo enquanto não soubermos o que está dentro do seu livro.
― Mas para isso têm de ler as histórias… ― lançou Severiano, pensando que os desarmava.
― É isso mesmo que vamos fazer.
E toda a gente, num profundo silêncio, perante o atónito escritor e a preocupada editora, começou a ler as histórias, cada um à sua velocidade, ora esboçando sorrisos, ora esgares de irritação ou surpresa ou mesmo exclamações de desespero e fúria incontida. Palavra a palavra, linha a linha, as histórias que compunham o pequeno volume foram lidas, dissecadas, assimiladas, experimentadas mentalmente para ver se eram verosímeis. O escritor, em estado meio de espera, meio de alerta, trocava olhares com a doutora que se encontrava sentada na outra extremidade da mesa de honra "(...)".

A VINGANÇA DE SEVERIANO VALVERDE, in Outros Contos de Vila Nova (Ed. Tágide, 2010)

8 comentários:

samuel disse...

Mais um motivo para não faltar! Nunca se sabe... :-)))

Cloreto de Sódio disse...

Pois! Tudo pode ser (im)possível nesse dia! Abraço!

maria de jesus caracol disse...

Estás mesmo a aguçar o apetite, quero dizer, o desejo de poder desfrutar de umas horas de leitura descontraida que nos façam esquecer por esses momentos as agruras que nos cercam. Espero que ninguem me impeça de ter o previlégio de poder receber das tuas mãos esses momentos de tranquilidade.

AMS disse...

Olha!... Aqui está uma excelente sugestão para a sessão de dia 30.
Depois não te admires se nós adoptarmos a estratégia.
Agora a sério: já uma vez te disse que o que mais me agrada na tua escrita, para além da formulação de personagens, é a tua capacidade de me surpreender na forma como "resolves a história" e este livro promete. As minhas expectativas estão altas.

Liebend disse...

Dia 30, lá estarei para ler mais! =)

Cloreto de Sódio disse...

Maria de Jesus:
Espero que não haja impedimentos. Já estávamos a precisar de um encontro assim. :)

Cloreto de Sódio disse...

AMS:
Sempre atenta, embora discreta. Espero não defraudar as tuas (exigentes) expectativas! Um forte abraço.

Cloreto de Sódio disse...

Liebend:
E eu lá estarei para te mostrar mais. Abraço.

Distraídos crónicos...

Contador de visitas

Contador de visitas
Hospedagem gratis Hospedagem gratis

Arquivo do blogue

Acerca de mim

A minha foto
Montemor-o-Novo, Alto Alentejo, Portugal