quinta-feira, 10 de junho de 2010

Chega!














 




Aníbal, abre os olhos, ergue a espada,
Defende o Povo Luso maltratado!
Monta os teus elefantes, faz-te à estrada,
Neste dez, oh! dia meu, já estafado!
Ah! Desce do Olimpo e, à estalada,
Como um Viriato mui insultado,  
Livra os Lusitanos desta Tormenta,
Expulsando Ali Babá mais os Quarenta!

(Mas  se o teu peito 'inda teme o pior,
Se, para tal, for mister mais coragem,
Passa por aqui, por Montemayor,
Prova um tinto e verás, nobre Cavaco,
Que é muito mais sedoso que o de Baco!)

                                         Obrigadinho e boa viagem!


5 comentários:

Anónimo disse...

pois é, não é facil.

Cloreto de Sódio disse...

teste

Prof. queestavapertodareforma disse...

A Poesia está um "must". Porém, permita-me o prezado autor alguns reparos: O nosso Aníbal foi o Soares, que, na Índia do Gama, se passeou em cima dos elefantes... E esse já está gagá! Quanto ao Ali Babá, tudo certo, o pior é que não são quarenta ladrões, serão alguns milhares... Já no que respeita ao tinto, nada a opor!

Cloreto de Sódio disse...

Caro Prof.:
Totalmente de acordo!
Obrigado pela visita e pelo oportuno reparo!

maria sousa disse...

O nosso Hanibal é lá homem para se meter nos copos, francamente professor!
Segundo o desmentido do palácio nem ganha para tais desregramentos...

Distraídos crónicos...

Contador de visitas

Contador de visitas
Hospedagem gratis Hospedagem gratis

Arquivo do blogue

Acerca de mim

A minha foto
Montemor-o-Novo, Alto Alentejo, Portugal