quarta-feira, 9 de junho de 2010

Este, por exemplo


Vêm aí as férias. Vamos ver se o país está, ou não, em crise. Aposto que, em Agosto, políticos e cidadãos vão marimbar-se para os problemas do país e vão a banhos refrescar as ideias. Só acreditava que estávamos REALMENTE mal financeiramente se, no parque de campismo para onde vou este ano, o meu vizinho da esquerda fosse o Eng.º Sócrates e o da direita o Dr. Pedro Passos Coelho. Iam ser serões memoráveis de bisca e de sueca, nos avançados das suas tendas simples, às flores, onde almoçaríamos grandes sardinhadas acompanhadas com um bom tinto de Montemor, após as quais, e antes da sesta, iriam escutar, mais atentos do que um mocho, as minhas soluções para acabar com a crise.




 

3 comentários:

Anónimo disse...

Hoje fui com o meu filhote ao pediatra a uma consulta de rotina. Está tudo muito bem, felizmente, mas o menino precisa de muita praia. Dizia o médico: "praia, praia, praia". Percebi claramente que o Sr Doutor está longe de conhecer a situação do país (claro, com o consultorio cheio de criançada).
Eu até gostava muito de ir para a praia uma boa temporada, mas o sr primeiro ministro não me deixa ir.
Serei uma mãe negligente?!
Em todo o caso vou pedir um estudo de viabilidade económica para essa cena do acampamento, pode ser que dê.
SR

Anónimo disse...

Aproveitando o 10 de Junho, acho que o país seguiu o exemplo de Camões, mas em vez de uma pala tem duas...
SR

kalikera disse...

Pois os mochos não falam, mas ouvem tudo com muita atenção.

Não falam é eufemismo.

Distraídos crónicos...

Contador de visitas

Contador de visitas
Hospedagem gratis Hospedagem gratis

Arquivo do blogue

Acerca de mim

A minha foto
Montemor-o-Novo, Alto Alentejo, Portugal