terça-feira, 9 de novembro de 2010

Neve no alto do monte



Vai caindo, aos poucos, a neve, ao longo dos dias e, quando olhamos bem para o monte, reparamos que está bonito, alvo, de uma brancura serena. Quase não damos pela sua chegada mas, seguindo a lei da vida, a neve chega e fica. É então tempo de afrouxar o passo e, tantas vezes, encostar à berma da estrada já percorrida. Para sentir, de forma mais intensa, o valor da vida, os princípios que aprendemos e que aplicamos diariamente sem nos preocuparmos em perceber a sua origem. Para pensar a sério no valor dos afectos e das ligações entre pai e filho. Nunca as tinha imaginado tão fortes, nem vivido de forma tão intensa.



3 comentários:

Anónimo disse...

daqui, vai o meu abraço, tão (mas tão) forte!...

beijocassssss
vovómaria

xpto disse...

Um abraço muito amigo

MJR disse...

Grande abraço, amigo e companheiro.

Distraídos crónicos...

Contador de visitas

Contador de visitas
Hospedagem gratis Hospedagem gratis

Arquivo do blogue

Acerca de mim

A minha foto
Montemor-o-Novo, Alto Alentejo, Portugal