quarta-feira, 10 de dezembro de 2008

Manelinha de Neve e os Seis Anõezinhos


Seis meses de ditadura, disse a Dona Manelinha! Seis meses! Os mais novos até pensam que uma ditadura é assim uma espécie de castigo do tipo seis meses sem sair à noite, ou seis meses sem telemóvel, ou ainda seis meses sem computador… Mas não, miúdos. Ditadura é um outro tipo de castigo que nós NUNCA mais vamos querer no nosso país. Seis meses, disse a vigilante e inefável senhora? Seis anos, digo eu. Seis anos com um adesivo forte e anticorrosivo bem colado àqueles lábios pitorescos e inconsequentes para que estejam todo esse tempo sem pronunciar palavra. É que, assim, também não entra mosca. O absurdo do título – Manelinha de Neve e os Seis Anõezinhos – só é comparável ao absurdo em que se tornou o PSD e ao vazio inexplicável que aquela tão bem intencionada senhora representa para o seu partido e para o país. Contudo, deve ser boa a contar histórias aos netinhos.

Sem comentários:

Distraídos crónicos...

Contador de visitas

Contador de visitas
Hospedagem gratis Hospedagem gratis

Arquivo do blogue

Acerca de mim

A minha foto
Montemor-o-Novo, Alto Alentejo, Portugal