sábado, 2 de janeiro de 2010

Estes dois estão feitos ao bife...



















O padre Jardim Moreira, presidente da Rede Europeia Antipobreza, referiu hoje num programa da manhã da RTP1 que o pároco da Sé Catedral do Funchal, Manuel Martins, tinha sido desterrado para Machico e Riberia Seca, após ter denunciando publicamente o aumento significativo dos  indíces de pobreza na Região Autónoma da Madeira. Jardim Moreira referiu que o colega foi alvo de uma investigação por parte do Governo Regional com o objectivo de saber se ele era comunista.
Desculpe, padre Jardim Moreira, mas o senhor deve estar enganado. Alberto João Jardim não seria capaz de uma atitude dessas. E, depois, a Madeira é um paraíso.
Ora (re)veja aqui:
http://tv1.rtp.pt/noticias/index.php?t=Conego-da-Se-Catedral-do-Funchal-deslocado-apos-alerta-para-pobreza-na-Madeira.rtp&headline=20&visual=9&article=307370&tm=8

 
Aníbal Cavaco Silva, Presidente da República, afirmou na sua mensagem de Ano Novo: "(...) Com este aumento da dívida externa e do desemprego, a que se junta o desequilíbrio das contas públicas, podemos caminhar para uma situação explosiva. (...) Não é tempo de inventarmos desculpas para deixarmos de fazer o que deve ser feito. Estamos perante uma das encruzilhadas mais decisivas da nossa história recente. É por isso que, em consciência, não posso ficar calado (...)."

Após esta quebra definitiva do pouco verniz institucional que ainda conseguia aguentar-se,  fiquei a pensar para onde enviará José Sócrates o Presidente da República? Para a Assembleia de uma Junta de Freguesia do Alentejo profundo?

(O Carlos Acabado escreveu assim... aqui: 
http://oquistodidactico.blogspot.com/2010/01/estao-ao-rubro-as-lucubracoes-em-torno.html)




18 comentários:

Carlos Machado Acabado disse...

Numa palavra: o sistema a funcionar em pleno!...
De vitória em vitória até à estrondosa implosão final!

...Ou, como se dizia num título [genial!] de filme inglês dos anos '50: "Situation hopeless but not serious..."
Ou seja: "A situação, embora desesperada, não é grave..."

[Ah! Pois não!...]

vovó disse...

já nada me espanta!...

beijocassssss
vovó Maria

AMS disse...

Lá para os lados de Mértola, talvez...
O Pulo do Lobo, no Alentejo profundo, será uma boa hipótese, já que Cavaco Silva conhece bem a região!
Votos de que não cheguemos à implosão.

Anónimo disse...

Tudo isto é uma comédia cujo final se adivinha trágico.
E os comediantes - irresponsáveis, incompetentes e corruptos - (não digo que são todos porque basta haver um que não o seja para estar a cometer uma injustiça) estão a borrifar-se para quem está na mó de baixo. Mas a corda, de tanto esticar, um dia parte-se e é vê-los a fugir para onde têm as suas contas, em qualquer paraíso fiscal.
Então, vão ser mais uma vez os mexilhões (ou serão os carneiros?) a pagar as facturas.

Desesperançado

Leonel Craveiro disse...

Tamos lixados, mas com um "F" muito grande, enorme!!!

Oh abre!!!!!

Cloreto de Sódio disse...

Para o Primeiro-ministro e para o seu magnífico Governo, a situação nunca foi grave. Houve até um ministro (Manuel Pinho?)que chegou a afirmar que crise... náaa, não passava por cá. Abraço Carlos e obrigado pela tua visita.

Cloreto de Sódio disse...

Pois é, vovó, as avós já viram muito e sabem muito e ensinam muito. Por isso é que têm fãs incondicionais. Bjs.

Cloreto de Sódio disse...

Antónia: Lembro-me do Prof. Cavaco em visita a essa zona. Pode ser que lhe calhe! Até porque as escutas em Pulo do Lobo ainda devem ser muito artesanais e, por isso, menos eficazes... Obrigado pela achega! Bjs.

Cloreto de Sódio disse...

O mar já se sente mais bravo contra as rochas. Os mexilhões queixam-se cada vez mais e, tenho a certeza, muitos graúdos têm já as malas feitas e as famílias prontas para partirem. Que nunca mais voltem. Abraço.

Cloreto de Sódio disse...

É um F de fuga. Mas não de Bach. De Burros, que não conseguiram fazer deste país um sitío onde o pessoal viva com um mínimo de felicidade. Abraço, Leonel.

kalikera disse...

Parece que o sr. presidente até já canta o junta a tua à nossa voz, baixinho, na varanda.

Cloreto de Sódio disse...

O Senhor Presidente cantará o que a malta mandar. No Alentejo mandam os que estão. Abraço. Kalikas.

Unknown disse...

O caso do Sr. Conego Manuel Martins, é um mal menor em comparação as injustiças que se vivem no nosso pais.Reparem só no aumento da corrupção, roubos, droga e tachos que se vão dando a uns e outros.Os POBRES,esses vão ...
Depois ouvimos:"CUITADOS".
Abraços
Jodé

Anónimo disse...

É interessante dizer mal, difiícil é fazer agradar a todos.
Cumprimentos HR

Cloreto de Sódio disse...

...E quem quiser agradar a todos ou é anjinho ou é... parvinho!
Bom início de semana e... até breve.
Bjs

Alfredo disse...

"O número de portugueses a receber o salário mínimo quase duplicou." - Correio da manhã

Como pode ver caro professor quem está feito ao bife é o povinho, como é habitual!

Cloreto de Sódio disse...

Como habitualmente, caro Alfredo, como habitualmente...

Anónimo disse...

Adorava ver se não fossemos o povinho que fariam!!!!certamente dariam ao povinho!!!!!HR

Distraídos crónicos...

Contador de visitas

Contador de visitas
Hospedagem gratis Hospedagem gratis

Arquivo do blogue

Acerca de mim

A minha foto
Montemor-o-Novo, Alto Alentejo, Portugal